Copyright Disclaimer

Do not reproduce any of my texts published here. Plagiarism will be detected by Copyscape.

sexta-feira, maio 11, 2007

ACEITE

Se encarado o fado, a sorte
Da vida, entendido os rejeitos
Não há no mundo nada mais forte
Do que o próprio eu aceito

Soaroir 11/5/07

para: poesia-on line
“Depois da tempestade… aprendi a me amar”




imagem:google Farm1

Nenhum comentário: