Copyright Disclaimer

Do not reproduce any of my texts published here. Plagiarism will be detected by Copyscape.

segunda-feira, novembro 03, 2008

Do Cotidiano

Soaroir 03/11/08


Sempre que beber

Tudo tão sem sentido...

A caipirinha está regulamentada

Deu no Diário Oficial da União.




(Brasília – sexta-feira - de acordo com o publicado no D.O da União , o Ministério da Agricultura regulamenta... o ministro Reinhold Stephanes...: a caipirinha não pode sofrer nenhuma alteração da receita nacional: a cachaça, o limão e o açúcar. "O açúcar aqui permitido é a sacarose - açúcar cristal ou açúcar refinado -, poderá ser substituída total ou parcialmente por açúcar invertido e glicose, em quantidade não superior a 150 g/l e não inferior a 10 g/l, não podendo ser substituída por edulcorantes sintéticos ou naturais - o limão pode ser usado em sua "forma desidratada". A água pode ser adicionada à bebida alcoólica, mas apenas com objetivo de "padronização da graduação alcoólica do produto final", que deve variar entre 15% e 36%.Estão proibidos: "adição de qualquer substância ou ingrediente que altere as características sensoriais naturais do produto final, a utilização de corantes, flaconetes, sachês, conta-gotas, spray, ampolas, copos-medidas..."etc)fonte:Terra



mote: cotidiano

O Haver
*Vinicius de Moraes*

Resta esse diálogo cotidiano com a morte, essa curiosidade
Pelo momento a vir, quando, apressada
Ela virá me entreabrir a porta como uma velha amante
Mas recuará em véus ao ver-me junto à bem-amada...

Resta esse constante esforço para caminhar dentro do labirinto
Esse eterno levantar-se depois de cada queda
Essa busca de equilíbrio no fio da navalha
Essa terrível coragem diante do grande medo, e esse medo
Infantil de ter pequenas coragens.

Nenhum comentário: