Copyright Disclaimer

Do not reproduce any of my texts published here. Plagiarism will be detected by Copyscape.

segunda-feira, agosto 31, 2009

As teias da vida

©Soaroir 31/8/09



Ao atirar uma pedra não se tem o destino dela
Se atinge um lago abre um rombo na água
E no peixe que segue para as nascentes
Altera a piracema
E os peixes que matam a fome
Dos homens que atiram pedras.


Mote: "Todos os homens estão presos numa teia inescapável de mutualidade;
entrelaçados num único tecido do destino. O que quer que afete a um diretamente,
afeta a todos indiretamente". (Martin Luther King Jr)


Nenhum comentário: