Copyright Disclaimer

Do not reproduce any of my texts published here. Plagiarism will be detected by Copyscape.

domingo, agosto 10, 2014

O Encanto do Parque


A Magia do Parque (first draft) Soaroir 10/8/2014




Olá. Bem vindo ao meu charming parque ou seja, encantado ao final de um sábado inteiro estalando num sol de 30 e um vento de vários nós.

A princípio você poderá sentir alguma dificuldade para descobrir por onde começar a se divertir; pode se sentir meio enfadado por ter que passar por toda a experiência que há mais de 20 anos era um “barato”. - acompanhar suas crianças descobrindo a natureza.

Mas vamos lá. O parque chama-se Thurleigh – pronuncia-se mais ou menos “ Turli” ; em uma fazenda situada no condado de Bedford, Leste da Inglaterra. Distante de casa bem uma hora e dependente de carona, o jeito foi me conformar e esconder os bocejos.

Depois de verem plantas e animais falantes dos cartoons, quem quer saber de ver bodes que só fazem “béééé” e llamas que só cospem?




Eles só pulam! Pensei. Olhar cavalos, cabras, galinhas, coelhos, correr com os gansos... Nada disso. Vamos é andar de trator, entrar no velho carro de bombeiro para ver por onde sai a água...




Jogar golfe? Muito trabalhoso. Escalar paredão e “pula pula” prendem a atenção por alguns instantes, mas logo em seguida saem correndo sem olhar para trás, como se para alcançar o próximo não sei o quê e em velocidade supersônica não mais compatível com o fôlego dos avós.

Troca fralda de um, procura da lixeira própria para jogar cocô;
- Ô, volta aqui, aí não... O outro resolve mijar em público e molha as calças e as sandálias...Troca tudo, ensaca e põem na mochila que pesa mais do que as dos universitários daqui de Cambridge.




Meu deus... Como consegui um dia ter sobrevivido a tudo isso? E por duas vezes distintas...

Com um dos meus filhos, o de 36, relembramos os dias nos parques lá de São Paulo e nossas diversões no Parque Nacional de Itatiaia. Realmente os parques são eternamente mágicos.


Sem revisão

Nenhum comentário: