Copyright Disclaimer

Do not reproduce any of my texts published here. Plagiarism will be detected by Copyscape.

sábado, maio 08, 2010

Vide Verso

DIAGNÓSTICO POÉTICO
Gilnei Nepomuceno


imagem/Net


 Estou louco, estou grogue, possesso
Gritos atravessam a alma que dorme
Agora entendo o porquê do grito mudo
Estou grávido de um poeta que me sorve

Teimo em não pari e sem pré-natal
Deixo nascer esse ser poético
Sem bula, sem métrica, sem estilo
A não ser denunciar o mundo acéfalo

Vide bula, para quê?
Não há receita para estancar a inspiração
O remédio é escrever


Gilnei Nepomuceno

2 comentários:

Gilnei Nepomuceno disse...

Fico lisonjeado em ver uma produção minha em seu blog. O poema Diagnóstico Poético me deixou perplexo quando acabado e fiquei me perguntando: Eu escrevi isso?

Abraço do amigo, Gilnei Nepomuceno

Soaroir de Campos disse...

Obrigada caríssimo poeta p enriquecer o meu blog. Abrs Soaroir