Copyright Disclaimer

Do not reproduce any of my texts published here. Plagiarism will be detected by Copyscape.

sexta-feira, setembro 05, 2008

Negócio de Saudade

©Soaroir de Campos
04/09/08


A oferta de saudade
Ficou maior que a procura.
Para evitar o prejuízo
Fechei logo o negócio
Com meu passado distante.
Cancelada a concessão
Sem medo de sacrifícios
Contratei com exclusividade
A vida aqui no (meu) presente.
Senhora agora dessa patente,
Vivo somente dos royalties
Da saudade que o outro sente.


Mote: INESTIMÁVEL VALIA
Vittorio Buttafava
-escritor italiano -
"Se tudo na vida tem seu preço,
quanto vale matar uma grande saudade.
Sem prazo de validade...
Sem meio, fim, nem começo?”

Nenhum comentário: