Copyright Disclaimer

Do not reproduce any of my texts published here. Plagiarism will be detected by Copyscape.

sábado, março 14, 2009

O Receio

Soaroir 14/3/09

imagem:cinefilosofia
















No primeiro dia de um Abril
A experiência pariu o Receio
Que mora entre encasquetados
Nutridos com possibilidades

Alcunhado de apreensão
Ele transita da mente ao peito -
Como prudência ou como medo
Receio é sempre um desafio.

Bem cevado Receio é Pã
Com a sua irreverente flauta
Avelhentado é um grande antro
De angustiantes gasturas
[que escapam do discernimento.


Mote: "Receio"

"
Tenho receio de sonhar demais,
De construir castelos sobre areia,
Expostos, fragilmente, aos vendavais,
À tempestade que o terror semeia.

Melhor é não sonhar, não construir,
Pra não sentir-se a queda singular
De todo um monumento a se ruir
Por sobre a areia quente do pensar...

É triste os próprios sonhos sepultar
E esboroados seus castelos ver...
É bem melhor viver e não sonhar...
É bem melhor, sem ilusões, morrer..."

Antonio Lycério Pompeo de Barros - RL
Fonte: Devaneios (Poesia & Prosa). Editora
da Universidade Federal de Mato Grosso,
2003:91

Nenhum comentário: