Copyright Disclaimer

Do not reproduce any of my texts published here. Plagiarism will be detected by Copyscape.

sábado, julho 03, 2010

Arquivo Morto

Soaroir 3/7/10



Ah, sempre me amofina a razão do aprender
Anos e anos triturados - do ventre ao jardim da infância
Outros tantos macerados nos cadinhos da adolescência
Pra quê? Alguém...diga-me pra quê?
Bailes de formatura, medalhas, graduação
Vestibular, pesadelos -  PhD...
Flâmulas, álbuns de recordação
Quando só queríamos Ser...
E finalmente quando somos – além da invenção
Reunem (os) nossos carunchentos feitos
Todos – em uma caixa de arquivo morto -
Varejada sem nenhum respeito...


Mote: Ninguém é tão ignorante que não tenha algo a ensinar. 
Ninguém é tão sábio que não tenha algo a aprender.
Blaise Pascal

"APRENDIZADO"

Nenhum comentário: