Copyright Disclaimer

Do not reproduce any of my texts published here. Plagiarism will be detected by Copyscape.

quinta-feira, outubro 21, 2010

Guarda estes versos

é covardia, mas excelente desafio. Q me perdoe Machado de Assis

atmosphere
soaroir São Paulo
21/10/10

quando... e se, quando, um dia eu escrever
uma daquelas poesias extraordinárias
inesquecíveis, ainda antes de eu morrer

será do mesmo antigo jeito meu
camuflado e sem pranto. Pouco abraço
e nenhum laço

nela compreenderá saudade e louco amor

que eu sei que você sabe sempre foi
- sempre será  -
o meu sentido por você...


imagem/google/vi.sualize.us/view-autor n identificado


exercicio para o mote:
Guarda estes versos que escrevi chorando como um alívio a minha saudade, como um dever do meu amor; e quando houver em ti um eco de saudade, beija estes versos que escrevi chorando.
Machado de Assis

Nenhum comentário: