Copyright Disclaimer

Do not reproduce any of my texts published here. Plagiarism will be detected by Copyscape.

sexta-feira, dezembro 14, 2007

Amor nos tempos do Natal

By: Soaroir Maria de Campos
14/12/07 12:00 P Poesia on-line do RL
"para amar é só preciso amar...nada mais!!!!!!"










Reflito e reflito para entrar no clima
De novo com o amor que volta ao tema
E eu cá com meus botões
Fechados ou com pouco viço
Não sei de que amor falar nesta época de Natal.
Talvez o universal, de mãe e filhos, às vezes pai,
Homem e mulher, homem e homem;
Amor zumbi, bengala, espaldar de cadeira;
Amor dos fracos e lentos, dos inexperientes;
Adolescentes alimentados com contos e fadas...
Ou da sobra de amor negado aos nascidos abandonados
Revoltados, obstinados, drogados e maltrapilhos?
O dos velhos sem beijos, esquecidos desamados em asilos
Ou o amor de saliva, romance, cinema e encenação?
Reflito e reflito, mas me perco no motivo e na opção.

Um comentário:

Bruxinhachellot disse...

Um amor universal é aquele que todos deveriam dar e receber.

Beijos dançantes.