Copyright Disclaimer

Do not reproduce any of my texts published here. Plagiarism will be detected by Copyscape.

quinta-feira, dezembro 27, 2007

Imagem Plástica

By Soaroir 27/12/07 15:31
“Amadurecimento”








imagem:cuca.mat.puc-rio

mangas maduras pra cair
não necessitam de vento
as de sorte são colhidas
as bichadas se espatifam
servem mesmo pra nada
a não ser pra adubação
da terra que só o tempo
poderá nos dar a prova
se ela é de serventia
para a mesma plantação
ou de outra que se cria
pra uma nova geração
dos frutos que eu colhia
durante a maturação
quando o menino do pastoreio
podia ser um negrinho
e o artista mineiro
era o escultor Aleijadinho
agora o afro é descendente
o cinzel pertence ao portador
de especiais necessidades
e eu que antes era gente
me tornei terceira idade
mais uma nomenclatura
nos tempos de imaturidade
quando menos me importo
se um dia eu me amei
ou se fui eu quem jamais
um dia amou alguém
amadurecida
prestes a adubar
descubro que ao contrário
não foi por demérito de par
nem desafeição de minha grei
mais pelo troco que a vida me deu
quando somente eu cria no bem
agora maturidade, eu assumo...
se há alguém que sempre amei
esse alguém decerto foi eu!

""Quando me amei de verdade
parei de desejar que minha vida fosse diferente
e comecei a ver que tudo que acontece, contribui para o meu crescimento.
Hoje chamo isso de ... AMADURECIMENTO"
Alison McMillen, em Quando eu me amei de verdade.
O mote é amadurecimento, como constatação de que nem sempre podemos mudar o rumo da vida, por enquanto..."

Nenhum comentário: