Copyright Disclaimer

Do not reproduce any of my texts published here. Plagiarism will be detected by Copyscape.

sábado, março 29, 2008

La Donna è Mobile

Os Mudamentos
Por Soaroir Maria de Campos
29/3/08


Eu me disfarço, camuflo os brancos
Preencho com pó os compactos vincos
Encho a cara, esfumaço os olhos
Ajusto o salto, os óculos a cintura
Renegocio com a beleza do cio
Olho no decote os seios, que feios!
Mataram fomes, mas estão vivos.
Troquei a pele, sobraram escamas
Não quero ver meus pés no barro
Cobertos pela barriga estriada
Que gerou, se na das pernas,
Não marcaria, nem parir iriam.
Apago a luz, e me cubro de certezas
De que ainda não é o fim.
Realço um discurso melhorado
E assim, eu me aceito
Moços... não...
Não há melhor idade!



Para o mote: "O que mudou? Ou mudamos?"

(Este foi realmente on-line - de improviso) Vai saber o q acontece em cabeça de poeta ...




Mudança de planos
Soaroir Maria de Campos
29/03/08


Atleta entre espermas atravessa

Nadando - águas muito profundas

Adversário dos que estão abaixo

Desafiado pelos que estão acima.

Burlado em meio à competição

Se perde de tudo – fica com nada

Perde até o rito da chegada

À qual não cabe nenhum recurso.


mote por Vilma: pelo centenario de morte de
Machado de Assis "O que mudou? Ou mudamos?"

Nenhum comentário: