Copyright Disclaimer

Do not reproduce any of my texts published here. Plagiarism will be detected by Copyscape.

segunda-feira, junho 22, 2009

Felicidade Segundo Soaroir II

Soaroir 20/6/09


... e o macambuzio passa pelo contente
como passa um grilo-topeira pelo relógio;
meio dia o contente fica estatelado...,
como o caruncho que dorme em seu arroz.

o triste não. Ele não enxerga frechais,
mas os caibros que o feliz junta para alcançar
e adentrar este pavimento como um igual

infeliz assumido não. Sua casca é grossa
e sua razão é de lei. Gorgulhos não o incomodam,
sequer anuviam as vistas de seu fundamental
e sólido monte de infelicidade
que lhe toma (todo) o tempo para ser,
genuinamente, um infeliz. Não lhe sobra espaço
para, por pouco, ser um infelizinho de merda
ele é um puto de um infelizão...
e é feliz por isso!




Mote: Felicidade

"Quantas vezes a gente
em busca de ventura ,
procede tal qual o avôzinho infeliz...
Em vão, por toda parte, os óculos procura,
tendo-os na ponta do nariz."

Mario Quintana

Nenhum comentário: