Copyright Disclaimer

Do not reproduce any of my texts published here. Plagiarism will be detected by Copyscape.

segunda-feira, janeiro 19, 2009

Amei-te. Não te amo agora.

Soaroir 13/1/09

Perdida, eu te encontrei sob as touceiras de um oásis
Entre miragens, me descrevias dunas e vidas em tundras
Tateias cansada. Confusa beduína a sede te enfraquece -
Justo à beirada de teus jardins - desfaleces
Ante o “poço do juramento” - amando mais a sombra
Do que as tâmaras de Negev.


Mote: "Amar Você"

Nenhum comentário: